segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Segundo Dia da Novena de Santa Elisabeth da Trindade: "escondida com Cristo"


Enquanto alguma coisa nos prender, não poderemos livremente voar para Deus. Não há nada mais tranquilo que um coração simples, livre. Santa Elisabeth chama de “conversão” o que se deu em sua primeira confissão, que deu origem a um verdadeiro despertar para as coisas divinas. Foi progredindo a passos largos:

“Esta doutrina de morrer a si mesmo, que é entretanto lei para toda alma cristã desde que Cristo disse: ´Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me`, esta doutrina que parece tão austera, é de uma suavidade deliciosa quando se olha o termo dessa morte, que é vida de Deus posta em lugar de nossa vida de pecados e misérias. A alma mais livre é, por certo, a que vive esquecida de si mesma. Se me perguntassem qual o segredo da felicidade, responderia que é não mais fazer caso de si, renunciar-se todo o tempo” (Carta 272).

Reflexão...

“Se alguém quiser vir comigo, renuncie-se a si mesmo, tome cada dia a sua cruz e siga-me. Porque aquele que quiser salvar sua vida, perdê-la-á; mas aquele que tiver sacrificado a sua vida por amor de mim, salvá-la-á” (Lc 9, 23-24).


Oração
Ó Santa  Elisabeth, no teu grande amor por Deus estás sempre tão próxima das necessidades dos teus amigos! Agora que estais no Céu diante da Face do Senhor, intercede junto d´Ele pelas intenções que te encomendamos...

Ensina-nos, na fé e no amor, a viver com a Santíssima Trindade no mais profundo do nosso coração. Ensina-nos, como tu, a irradiar o Amor de Deus entre os homens na nossa vida de cada dia, para sermos um Louvor da Sua Glória.

Rezar 3 Glórias à Santíssima Trindade.

Santa Elisabeth da Trindade, rogai por nós!

Fonte:
http://www.carmelitasmensageiras.com.br/index.php/2013-05-03-00-58-34/especiais/santa-elisabeth-da-trindade/25-santos-do-carmelo/396-beata-elisabeth-da-trindade-novena

Nenhum comentário:

Postar um comentário